YSTS – Um marco em eventos de infosec

2 11 2007

 

 

O evento YSTS v1.0 superou as expectativas dos participantes e posso afirmar sem nenhuma injustiça que ele foi um marco para eventos do gênero. Tenho participado de vários eventos nos últimos anos, conferências, convenções, workshops e garanto que meus comentários abaixo não são parciais de um geek entusiasta, mas sim uma sóbria perspectiva do que foi realmente o evento.

Segundo o seu anúncio, sua proposta era “trazer para o mesmo palco representantes de diversas camadas do mundo de infosec, oferecendo uma visão abrangente, tornando mais claras as semelhanças de cada uma das partes e reduzindo as barreiras que as separam, em um diálogo sem preconceitos” e felizmente eles alcançaram seus objetivos com grande sucesso, produzindo um evento de grande expressão.

Produzido pelo do pessoal do podcast I sh0t Sherif – Luiz Eduardo, Willian Caprino e Nelson Murilo – o evento contou com speakers de expressão e alto skill aos temas de suas apresentações, reunindo CSOs, analistas de segurança, security engineers, pesquisadores, professores acadêmicos, desenvolvedores e figuras antológicas do cenário da segurança da informação brasileira e mundial, num grande mosaico, com um ambiente intimista, o evento parecia um grande encontro de amigos com muita informação,  diversão e frozen beer.

Detecção de intrusão, a anatomia de um insider, carreira profissional, segurança em VoIP, segurança em computação móvel, a postura da política americana sobre a liberdade de expressão, as atividades da ACME! Computer Security Research e a preparação de seus acadêmicos para o mercado de infosec foram alguns dos temas abordados pelos speakers, incentivando muita conversa interessante que transcendeu estes temas nos bastidores e no Speaker Party que foi outro grande momento do dia.

Certamente, acredito que nenhum dos participantes irá esquecer do leilão da Hacker Foundation e muito menos da presença do Eric Gordon Corley, uops… Emmanuel Goldstein da 2600; que deu um toque especial ao evento. Na realidade, nunca fui em nenhum dos eventos organizados por ele, mas pelo que eu já li e ouvi a respeito, o YSTS foi um evento a lá Goldstein; o que espero conferir no “The Last HOPE” que ocorrerá em 2008.

Muita gente ficou frustrada por não ter conseguido participar e eu os compreendo! Felizmente eu pude verificar que a fórmula faz sucesso, a experiência foi feliz e agora estou na expectativa para versão 2.0; que com alguns ajustes pontuais poderá tornar-se um evento mais sensacional.

[1] YSTS

[2] I sh0t Sherif

[3] Emmanuel Goldstein

[4] YSTS pelo FX

[5] YSTS na Mídia – Matéria sobre carreiras na área de segurança

[6] YSTS por Derneval Cunha

[7] Menção do YSTS pelo Augusto Paes de Barros


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: