Roadrunner – Novo supercomputador Linux da IBM irá superar o Bluegene/L

11 09 2006

O laboratório do DOE – Departamento de Energia dos estadunidenses – de Los Alamos, acaba de fazer um pedido muito especial para a IBM, um supercomputador que será 4 vezes mais potente do que o eServer Blue Gene supercomputador número 1 do top500 que por um acaso também é de utilização do DOE via o Lawrence Livermore National Laboratory (LLNL) laboratório de cência aplicada que faz parte do National Nuclear Security Administration.

Este supercomputador terá uma arquitetura híbrida de clusters baseado em processadores AMD Opteron para propósitos gerais e Processadores Cell (desenvolvidos pela IBM em conjunto com a Sony e a Toshiba) para a aceleração de processos específicos no qual estes tem perfomance superior. Usará como sistema operação o Linux Red Hat Versão 4.3 em conjunto com sistemas IBM BladeCenter H e terá a capacidade de processar 1 quatrilhão de cálculos por segundo ou um petaflop. O ‘Roadrunner’ poderá ser usado no DOE em um programa que garanta a segurança e eficiência do arsenal de armas nucleares dos EUA sem fazer testes subterrâneos.

Para ler a notícia na íntegra clique aqui


Ações

Information




%d blogueiros gostam disto: